sexta-feira, 8 de outubro de 2010


Acordei e não te vi ao meu lado
teria sido bom se não fosse só um sonho
pedaços de mim espalhados pelo colchão
e na janela um vidro se quebrou
não quero mais me levantar
o chão está tão frio quanto eu
o mundo todo está parado
a muito tempo se foi meu pão
teria sido mais simples a morte
mas me esqueci de fechar os olhos
não posso mais olhar pra trás
pois as lembranças ainda estão lá
então eu me calo por hora
nada mais vai me trazer de volta
meu coração permanecerá quebrado
e tudo vale como uns trocados
aperto meu peito em vão
minhas mãos não escorrem mais
meu corpo foi encontrado pela medusa
só o vento insiste em me visitar
trazendo cheiro de um perfume vencido
me cubro com pétalas secas
não há nada mais pra me vestir
estou aqui despido pra ti
seja você quem for a me ouvir
mas saiba ainda perante tudo
meu navio não irá zarpar
estou ilhado num eclipse lunar.

Um comentário:

  1. Tenho a sensação de que estas a ir a camadas mais profundas.... :)...bjo!

    ResponderExcluir